Distúrbios do Movimento

Os Distúrbios do Movimento correspondem ao grupo de doenças neurológicas em que estão presentes alterações nos movimentos do corpo, sejam dificultando ou limitando o movimento voluntário, como quando há uma rigidez ou lentidão dos membros ou, ao contrário, quando há surgimento de movimentos involuntários, como tremores, coréias, ataxias ou distonias.

Eles podem progredir ao longo do tempo, sendo um dos componentes de diversas doenças genéticas e hereditárias. O diagnóstico quase sempre é clínico, com base nas alterações encontradas durante o exame físico neurológico, com a exclusão de outras distúrbios que podem estar associados.

 

Tremores, como Doença de Parkinson, parkinsonismos atípicos, como Atrofia de Múltiplos Sistemas, Paralisia Supranuclear Progressiva, Tremor Essencial, Coréias, incluindo a Doença de Huntington, além de Ataxias, Distonias, Tics, espasmos musculares, como os blefaroespasmos,  Síndrome das Pernas Inquietas são exemplos de distúrbios do movimento.

 

Todo movimento involuntário, ou então qualquer dificuldade para realizar uma ação, como lentificação nos membros, rigidez muscular, ou instabilidade postural (apresentando-se como quedas e desequilíbrios) deve ser avaliado pelo Neurologista.

© 2020 Dr. Gustavo L. Franklin - 

Avenida Sete de Setembro 4923, Salas 301/302 - Batel Curitiba/PR       Tel: (41) 98717-4780

Neurologia
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon