especialista em canabidiol curitiba

canabidiol e seu uso na neurologia

O canabidiol (CBD) é um medicamento extraído da plana Cannabis.

Nos últimos anos, tem sido reconhecido múltiplos usos e formas de atuação do CBD.

O primeiro uso comprovado do canabidiol, foi no tratamento de Epilepsias genéticas refratárias, como a síndrome de Dravet e a Síndrome de Lennox-Gastault.
Mas, muitas outras doenças podem se beneficiar do uso do canabidiol. Importante ressaltar que muitas vezes o objetivo não é substituir o tratamento padrão e sim tratar um sintoma específico e, assim, o tratamento com canabidiol não deve ser visto como tratamento "alternativo" ou "tratamento não-convencional". O medicamento canabidiol deve ser avaliado como medicamento sério, que pode fazer parte - ou não - do planejamento terapêutico e o melhor profissional para avaliar sua indicação isso é o especialista na doença de fato. Nas doenças neurológicas, o especialista é o médico neurologista.
Na maioria delas, o canabidiol não atua na causa da doença que, em geral, é genética.
Mas pode atuar de forma muito útil em vários sintomas da doença, como na Doença de Parkinson, Doença de Alzheimer, Doença de Huntington, Distonias, Autismo e no tratamento de síndromes dolorosas, como fibromialgia, neuropatias dolorosas, dentre muitas outras.
O canabidiol (CBD) pode ser útil no tratamento de  muitas doenças neurodegenerativas, auxiliando o tratamento de muitos sintomas, como:

Distúrbios do sono
Ansiedade
Alterações comportamentais
Dores
Contrações musculares
canabidiol no autismo, dor, fibromialgia

Efeitos colaterais possíveis

Como qualquer medicamento, o canabidiol pode ter efeitos adversos indesejados.

Em geral, esses efeitos são transitórios e passageiros, devendo o paciente manter o uso regularmente, exceto se o efeito for importante (que impeça a continuação do tratamento).

Os efeitos adversos mais comuns são: 

Rash cutâneo (manchas no corpo, às vezes com coceira)

Efeitos sedativos (sonolência, sedação, fadiga)

Alteração do apetite (aumento ou diminuição)

Aumento das enzimas hepáticas

Gastrointestinais (diarreia, intolerância e vômitos

Em geral os efeitos adversos são temporários e bem aceitos, mas caso aconteça algo de diferente, é só falar com o médico para te auxiliar.